Correspondência Mário de Andrade & Luiz Camillo de Oliveira Netto

  • de Mário de Andrade e Luiz Camillo de Oliveira Netto
  • org. Maria Luiza Penna
Sinopse

Este volume da correspondência de Mário de Andrade traz as cartas do escritor trocadas com Luiz Camillo de Oliveira Netto no período que vai de 1932 a 1944, entre a Revolução de 1930 e o final da Segunda Guerra Mundial. Na correspondência, é possível observar a preocupação dos intelectuais com questões gerais da cultura brasileira e com temas mais específicos como a preservação do patrimônio cultural e o estímulo à pesquisa; de outra parte, também está presente a troca de experiências acerca da atitude diante da administração pública, baseada na experiência de ambos. A organizadora da edição destaca a importância das cartas: “Intelectuais de uma época de transição, suas vidas refletem, em muitos pontos, as dificuldades de nossa realidade em mudança – industrialização incipiente, Revolução de 1930, nascimento, vida e morte do Estado Novo, entre vários outros processos de transformação”.

ver sumário

Ficha técnica

R$ 60,00
ISBN 10: 8531414210
ISBN 13: 9788531414213
1ª edição, impressão de 2013

288 páginas
18 x 25 cm
Brochura
Coleção Correspondência de Mário de Andrade

Eventos

01 a
10/07
de 2020

[Prorrogada] 1ª Feira Virtual das Editoras Universitárias

A Edusp participa do evento oferecendo títulos com 50% de desconto

Mais Eventos

Mais

Lançamento de “Desenvolvimento e Cooperação na América Latina”

Coordenado por Enrique García, o sétimo volume da coleção Cátedra José Bonifácio é lançado no Portal de Livros Abertos

Livro mostra as transformações políticas em São Paulo

Professor de Nova Jersey analisa história pouco explorada do estado de São Paulo

Um arquiteto que sonhou a cidade para os cidadãos

Livro traz textos de arquiteto que põe em xeque o desenvolvimentismo na arquitetura

O dicionário do iluminista que estudou o inferno no século 19

Livro registra o vernáculo ocultista de dois séculos atrás

O naturalista pioneiro que saiu na defesa das florestas

A história de Frei Veloso, missionário, tipógrafo e cientista, é contada em novo livro da Edusp
Mais