Editoras Universitárias no Brasil

Uma Crítica para a Reformulação da Prática

  • de Leilah Santiago Bufrem
Sinopse

Uma análise da atividade das editoras universitárias acadêmicas, apoiada na noção de campo de produção cultural de Bourdieu, mostrando as características que as distinguem como geradoras de um tipo específico de valor cultural. Nesta segunda edição revista e ampliada, Leilah Bufrem estuda o contexto em que surgiram e se estabeleceram as editoras universitárias, que hoje ocupam um lugar significativo no setor editorial brasileiro. Entre as tendências observáveis na atuação dessas editoras, destacam-se a construção de padrões próprios de produção e a busca de reconhecimento de seu papel cultural. As relações entre as editoras em sua maioria de caráter público e as instituições de ensino a que estão ligadas também são tratadas aqui. Este é o ponto de partida para a apresentação de propostas para uma política editorial universitária atualizada.

ver sumário

Ficha técnica

R$ 71,00
ISBN 10: 8531415234
ISBN 13: 9788531415234
2ª edição, impressão de 2015

424 páginas
21 x 22 cm
Brochura
Coleção Memória Editorial
Coedição: Com-Arte

Eventos

21/07
de 2021

Lançamento da obra “Livreiros do Novo Mundo”

Lançamento virtual obra "Livreiros do Novo Mundo"

Mais Eventos

Mais

Digitais passam a representar 6% do faturamento das editoras brasileiras

Em relação a 2019, o faturamento das editoras com a venda de conteúdos editoriais cresceu 36% em 2020, fechando o ano em R$ 147 milhões

Legado de resistência em Cecília Meireles e o equívoco de Laurence Hallewell

Cecília Meireles teve de ir à delegacia, debaixo de humilhações, para prestar esclarecimentos. Mas não foi “presa” pela tradução de um livro de Mark Twain

Palestra de lançamento de “Uma História da Hungria” está disponível no YouTube

Evento contou com a participação do autor e tradução simultânea

Milton Santos, morto há 20 anos, nos convida a construir uma outra globalização

Geógrafo apontou caminhos para um projeto humanitário que se contraponha ao poder totalitário do dinheiro

Tarsila do Amaral, mais popular que nunca, vai ganhar biografia em 2023

Jornalista Francesca Angiolillo diz que seu foco será explorar a vida pessoal da artista plástica
Mais