Paula Brito

Editor, Poeta e Artífice das Letras

  • org. José de Paula Ramos Jr., Marisa Midori Deaecto e Plinio Martins Filho
Sinopse

Publicado em parceria com a Com-Arte, o livro ilustra e confirma a importância de Paula Brito, tipógrafo que se tornou, segundo Machado de Assis, o primeiro editor digno deste nome que houve entre nós . Apesar de a atividade editorial ser sua atividade mais conhecida, os ensaios deste livro nos mostram que Paula Brito atuou também em outras áreas: foi pioneiro do jornalismo cultural brasileiro com o jornal A Marmota, foi o primeiro empresário negro do país e também poeta, sendo sua produção literária investigada criticamente pela primeira vez. No final do livro, também há uma síntese de sua produção editorial, com um catálogo elaborado a partir do trabalho de Eunice Ribeiro Gondim. Ao ler este livro, o leitor poderá conhecer melhor a história desse ilustre brasileiro, merecedor de reconhecimento mesmo após quase 150 anos de sua morte, data comemorada em 2011.

Ficha técnica

R$ 50,00
ISBN 10: 8531412757
ISBN 13: 9788531412752
1ª edição, impressão de 2010

272 páginas
21 x 22 cm
Brochura
Coleção Memória Editorial
Coedição: Com-Arte

Eventos

21/07
de 2021

Lançamento da obra “Livreiros do Novo Mundo”

Lançamento virtual obra "Livreiros do Novo Mundo"

Mais Eventos

Mais

Digitais passam a representar 6% do faturamento das editoras brasileiras

Em relação a 2019, o faturamento das editoras com a venda de conteúdos editoriais cresceu 36% em 2020, fechando o ano em R$ 147 milhões

Legado de resistência em Cecília Meireles e o equívoco de Laurence Hallewell

Cecília Meireles teve de ir à delegacia, debaixo de humilhações, para prestar esclarecimentos. Mas não foi “presa” pela tradução de um livro de Mark Twain

Palestra de lançamento de “Uma História da Hungria” está disponível no YouTube

Evento contou com a participação do autor e tradução simultânea

Milton Santos, morto há 20 anos, nos convida a construir uma outra globalização

Geógrafo apontou caminhos para um projeto humanitário que se contraponha ao poder totalitário do dinheiro

Tarsila do Amaral, mais popular que nunca, vai ganhar biografia em 2023

Jornalista Francesca Angiolillo diz que seu foco será explorar a vida pessoal da artista plástica
Mais