Nas Trilhas da Crítica

  • de Marcel Proust
  • trad. Plínio Augusto Coêlho
Sinopse

Tomando por objeto as obras de escritores como Flaubert e Baudelaire e de artistas que lhes eram contemporâneos, caso de Paul Morand e Jacques-Emile Blanche, Proust examina aqui os elementos estruturantes comuns a diversos sistemas artísticos. Além dos autores mencionados, os quatro ensaios aqui reunidos abordam também Balzac, Stendhal, Hugo e pintores como Manet, Delacroix ou Corot, deixando entrever algumas das referências artísticas da obra monumental do autor de Em Busca do Tempo Perdido. Como ressalta o crítico Aguinaldo José Gonçalves no prefácio a este volume, “Proust foi, antes de tudo, um grande e versátil leitor, inclusive de outros sistemas artísticos, como da arquitetura, sobretudo a medieval, da pintura e da música, fazendo com que convergissem para o meio expressivo de que se valeu, a literatura”.

ver sumário

Ficha técnica

R$ 22,00
ISBN 10: 8531401712
ISBN 13: 9788531401718
1ª edição, impressão de 1994

144 páginas
12 x 20 cm
Brochura
Coleção Críticas Poéticas
Coedição: Imaginário

Eventos

01 a
10/07
de 2020

[Prorrogada] 1ª Feira Virtual das Editoras Universitárias

A Edusp participa do evento oferecendo títulos com 50% de desconto

Mais Eventos

Mais

Lançamento de “Desenvolvimento e Cooperação na América Latina”

Coordenado por Enrique García, o sétimo volume da coleção Cátedra José Bonifácio é lançado no Portal de Livros Abertos

Livro mostra as transformações políticas em São Paulo

Professor de Nova Jersey analisa história pouco explorada do estado de São Paulo

Um arquiteto que sonhou a cidade para os cidadãos

Livro traz textos de arquiteto que põe em xeque o desenvolvimentismo na arquitetura

O dicionário do iluminista que estudou o inferno no século 19

Livro registra o vernáculo ocultista de dois séculos atrás

O naturalista pioneiro que saiu na defesa das florestas

A história de Frei Veloso, missionário, tipógrafo e cientista, é contada em novo livro da Edusp
Mais