Benzodiazepínicos

Quatro Décadas de Experiência

  • coord. Márcio Antonini Bernik
Sinopse

Ainda hoje, os benzodiazepínicos estão entre as drogas mais prescritas em toda a medicina. Dada a alta qualificação dos autores, o livro atinge um elevado grau de atualização em um amplo leque de conhecimentos por meio de uma linguagem acessível ao estudante, ao profissional não especializado e mesmo ao público leigo. É também de grande interesse para profissionais não médicos que atuam na área da saúde mental, como psicólogos, assistentes sociais, terapeutas ocupacionais e enfermeiros psiquiátricos que, embora não diretamente envolvidos no processo da prescrição, necessitam de conhecimento científico atualizado e independente para orientar pacientes e familiares de pacientes. Deu-se atenção especial a temas não comumente abordados em livros sobre farmacologia, como o uso em populações especiais, por exemplo, gestantes, idosos e crianças.

Ficha técnica

R$ 34,00
ISBN 10: 8531405378
ISBN 13: 9788531405372
1ª edição, impressão de 1999

248 páginas
16 x 23 cm
Brochura
Coleção Faculdade de Medicina - USP

Eventos

16/09
de 2020

Lançamento de “Sobre os Primórdios da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP”

Acontece na quarta-feira, 16/9/2020, o lançamento e o debate virtual de "Sobre os Primórdios da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP", organizado por Walnice Nogueira Galvão.

Mais Eventos

Mais

Livro de entrevistas lembra os primeiros anos da USP

Obra traz depoimentos de Paul Bastide, Antonio Candido, Florestan Fernandes e Mário Schenberg, entre outros

Edusp tem novo diretor-presidente

Carlos Roberto Ferreira Brandão, ex-diretor do MAC (2016-2020), é o novo diretor-presidente da Edusp a partir de setembro de 2020.

Trabalhadores humanitários e o legado de Sérgio Vieira de Mello

Trajetória de Sérgio ilumina possibilidades da ação humanitária e o terreno como lugar dos direitos humanos

“Não há evolução sem ruptura”

Entrevista com Alex Flemming, pintor, escultor e gravador

É verdade que nevou em São Paulo em 1918?

No caderno de visitas da famosa garçonnière mantida pelo escritor Oswald de Andrade na Rua Líbero Badaró, apelidada de "covil da rua Líbero", há a referência de que nevou ...
Mais