Leitura em Voz Alta e Produção da Subjetividade

Um Caminho para a Apropriação da Escrita

  • de Lucila Maria Pastorello
Sinopse

Lucila Pastorello discute o papel da leitura em voz alta no processo de apropriação da linguagem pela criança, mostrando que, em função de suas especificidades, essa modalidade de leitura interfere positivamente no processo. A autora observa que a leitura em voz alta coloca o corpo em cena, mobilizando práticas na relação corpo e linguagem que são específicas e que fazem eco nos processos de apropriação da escrita pela criança. Em sua pesquisa, procurou articular elementos teóricos nos campos da linguística, da psicanálise, da educação e da fonoaudiologia, ao lado das observações advindas da prática clínica. A leitura em voz alta é considerada prática mobilizadora da subjetividade - da dinâmica do desejo e da língua - e, portanto, atividade que interfere positivamente no processo de apropriação da escrita pela criança.

ver sumário

Ficha técnica

R$ 36,00
ISBN 10: 8531414415
ISBN 13: 9788531414411
1ª edição, impressão de 2015

152 páginas
14 x 21 cm
Brochura
Coleção Campi

Eventos

20/03
de 2020

[Cancelado] Lançamento de “Gênero e Feminismos”

O lançamento de "Gênero e Feminismos", que aconteceria sexta-feira, 20/3/2020, está temporariamente cancelado. Assim que possível, uma nova data será anunciada.

Mais Eventos

Mais

Preservar as escassas florestas das cidades é o desafio

No livro “Natureza em Megacidades”, Jörg Spangenberg defende a vegetação integrada à paisagem de concreto

Livro mostra as transformações políticas em São Paulo

Professor de Nova Jersey analisa história pouco explorada do estado de São Paulo

Um arquiteto que sonhou a cidade para os cidadãos

Livro traz textos de arquiteto que põe em xeque o desenvolvimentismo na arquitetura

O dicionário do iluminista que estudou o inferno no século 19

Livro registra o vernáculo ocultista de dois séculos atrás

O naturalista pioneiro que saiu na defesa das florestas

A história de Frei Veloso, missionário, tipógrafo e cientista, é contada em novo livro da Edusp
Mais