Os Leitores de Machado de Assis

O Romance Machadiano e o Público de Literatura no Século 19

Capa de Os Leitores de Machado de Assis Obra Premiada
  • de Hélio de Seixas Guimarães
Sinopse

Hélio de Seixas Guimarães procura, neste livro, enfrentar algumas questões que ainda hoje, passado quase um século da morte de Machado de Assis, permanecem presentes nos estudos sobre sua obra. Na passagem do século XIX para o XX, a população alfabetizada do Brasil correspondia a 18% do total, dos quais apenas 2% eram capazes de ler livros. A quem os narradores machadianos, em sua quase obsessão de diálogo com o leitor, se dirigiam é a questão que Hélio enfrenta neste livro. A figura do leitor na produção ficcional de Machado é o assunto central do estudo, buscando estabelecer conexões entre o diálogo com o leitor no plano ficcional, e o embate histórico do escritor com seu público. O estudo é acompanhado de uma reunião de textos publicados na imprensa brasileira por ocasião da edição dos nove romances de Machado, mostrando a recepção da crítica no calor da hora .

ver sumário

Ficha técnica

R$ 70,00
ISBN 10: 8531413354
ISBN 13: 9788531413353
1ª edição, impressão de 2012

464 páginas
16 x 23 cm
Brochura
Coleção 100 Anos Machado de Assis
Coedição: Nankin Editorial

Prêmio
47º Prêmio Jabuti
Câmara Brasileira do Livro
Teoria e Crítica Literária - 2º Lugar
Hélio de Seixas Guimarães

Eventos

08 a
12/08
de 2022

4ª Feira Virtual das Editoras Universitárias

De 08 a 12 de agosto a Edusp participará da 4ª Feira Virtual das Editoras Universitárias promovida pela ABEU.

Mais Eventos

Mais

Coleções da Edusp ampliam debate sobre a segurança pública e os direitos humanos

Parceria do NEV-USP e da Edusp, as coleções Polícia e Sociedade e Direitos Humanos incluem títulos que estão entre os mais reeditados da editora.

Nova obra debate formação da identidade paulista

A construção de uma identidade branca, masculina e afeita ao progresso para São Paulo na primeira metade do século XX se deu por meio da contraposição com regiões menos ...

Clarice Lispector: a delicadeza e contundência de uma literatura de liberação. Entrevista especial com Nádia Gotlib

A professora observa como a autora aborda as temáticas femininas sem necessariamente ser feminista, movendo-se muito mais no sentido de liberação de quaisquer amarras e padrões

A Feira do Livro no Pacaembu

A Praça Charles Miller vai ser ocupada pelos livros, e a @edusp.oficial não ficará de fora: vem aí A Feira do Livro, entre os dias 8 e 12 de junho.

Edusp inaugura livraria com 5 mil obras na USP de São Carlos no próximo dia 27

A Editora da Universidade de São Paulo (Edusp) inaugurará na próxima sexta-feira (27) a nova Livraria Edusp do campus da USP de São Carlos, com quase o dobro do acervo que ...
Mais