Uma Idéia de Pesquisa Educacional

  • de Jose Mário Pires Azanha
Sinopse

Reeditado após 20 anos, Uma Ideia de Pesquisa Educacional critica os estilos de investigação educacional com motivação tecnológica ou política, debatendo temas como a qualidade da pesquisa educacional e as relações entre ciência e tecnologia, abordando também a possibilidade de um estudo científico do homem que parta da vida cotidiana, mostrando sua importância e suas dificuldades. Utilizando sua longa convivência com a temática da pesquisa educacional, tanto como pesquisador quanto como professor, o autor expõe como convicção principal a ideia de que a preparação para pesquisa em educação tem mais a ver com a solidez da própria formação pedagógica do que cursos com metodologias ou epistemologias. Para fundamentar este trabalho, José Mário Pires Azanha recorre aos conceitos de pensadores como Popper, Kuhn, Feyerabend, Peirce, Granger, Lefebvre e Wittgenstein, entre outros.

Ficha técnica

R$ 27,00
ISBN 10: 8531400650
ISBN 13: 9788531400650
1ª edição, impressão de 2011

208 páginas
14 x 21 cm
Brochura
Coleção Campi

Eventos

16/09
de 2020

Lançamento de “Sobre os Primórdios da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP”

Acontece na quarta-feira, 16/9/2020, o lançamento e o debate virtual de "Sobre os Primórdios da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP", organizado por Walnice Nogueira Galvão.

Mais Eventos

Mais

Livro de entrevistas lembra os primeiros anos da USP

Obra traz depoimentos de Paul Bastide, Antonio Candido, Florestan Fernandes e Mário Schenberg, entre outros

Edusp tem novo diretor-presidente

Carlos Roberto Ferreira Brandão, ex-diretor do MAC (2016-2020), é o novo diretor-presidente da Edusp a partir de setembro de 2020.

Trabalhadores humanitários e o legado de Sérgio Vieira de Mello

Trajetória de Sérgio ilumina possibilidades da ação humanitária e o terreno como lugar dos direitos humanos

“Não há evolução sem ruptura”

Entrevista com Alex Flemming, pintor, escultor e gravador

É verdade que nevou em São Paulo em 1918?

No caderno de visitas da famosa garçonnière mantida pelo escritor Oswald de Andrade na Rua Líbero Badaró, apelidada de "covil da rua Líbero", há a referência de que nevou ...
Mais