Conflito e Interpretação em Fellini

Construção da Perspectiva do Público

  • de Luiz Renato Martins
Sinopse

Fellini se consolida como o principal autor do cinema italiano depois do impacto de filmes como La Dolce Vitta (1960) e Oito e Meio (1963), graças à novidade de sua orientação temática, que se destaca tanto do mundo de penúria típico do neo-realismo como do subjetivismo intimista que se seguiu a esta escola. A partir dessas constatações, o livro dispõe a análise de quatro filmes do mestre italiano – Roma, Amarcord, Cidade das Mulheres e Ensaio de Orquestra – privilegiando veios interpretativos como a memória, a arte e a sexualidade, para demonstrar que o cinema de Fellini, em vez de nostálgico e autobiográfico, como costuma ser entendido, é na verdade radicalmente crítico e fundamentalmente impessoal.

Ficha técnica

R$ 26,00
ISBN 10: 8531402085
ISBN 13: 9788531402081
1ª edição, impressão de 1994

164 páginas
16 x 23 cm
Brochura
Coedição: Instituto Italiano de Cultura

Eventos

20/03
de 2020

[Cancelado] Lançamento de “Gênero e Feminismos”

O lançamento de "Gênero e Feminismos", que aconteceria sexta-feira, 20/3/2020, está temporariamente cancelado. Assim que possível, uma nova data será anunciada.

Mais Eventos

Mais

Preservar as escassas florestas das cidades é o desafio

No livro “Natureza em Megacidades”, Jörg Spangenberg defende a vegetação integrada à paisagem de concreto

Livro mostra as transformações políticas em São Paulo

Professor de Nova Jersey analisa história pouco explorada do estado de São Paulo

Um arquiteto que sonhou a cidade para os cidadãos

Livro traz textos de arquiteto que põe em xeque o desenvolvimentismo na arquitetura

O dicionário do iluminista que estudou o inferno no século 19

Livro registra o vernáculo ocultista de dois séculos atrás

O naturalista pioneiro que saiu na defesa das florestas

A história de Frei Veloso, missionário, tipógrafo e cientista, é contada em novo livro da Edusp
Mais