Neocolonial, Modernismo e Preservação do Patrimônio no Debate Cultural dos Anos 1920 no Brasil

  • de Maria Lucia Bressan Pinheiro
Sinopse

Partindo da evidente coincidência temporal e da identidade de personagens a transitar entre os três temas indicados no título deste livro - o movimento neocolonial, a emergência do modernismo e as primeiras preocupações com a preservação do patrimônio brasileiro, Maria Lucia Bressan Pinheiro ensaia abordagem inédita sobre a cultura brasileira na década de 1920. Mapeando caminhos pouco explorados, a autora identifica diálogos inesperados entre tradição e modernismo nas manifestações de nomes tão díspares como, entre outros, Ricardo Severo, Mário de Andrade, José Mariano Filho, Manuel Bandeira e Lúcio Costa. Elegendo a arquitetura como eixo de análise, o trabalho traz significativa contribuição para a análise da cultura material do período, relacionando-a não apenas a importantes eventos, mas também à nossa experiência cotidiana perante a paisagem construída de nossas cidades.

Ficha técnica

R$ 112,00
ISBN 10: 8531413044
ISBN 13: 9788531413049
1ª edição, impressão de 2011

312 páginas
23 x 26 cm
Brochura

Eventos

20/03
de 2020

[Cancelado] Lançamento de “Gênero e Feminismos”

O lançamento de "Gênero e Feminismos", que aconteceria sexta-feira, 20/3/2020, está temporariamente cancelado. Assim que possível, uma nova data será anunciada.

Mais Eventos

Mais

Preservar as escassas florestas das cidades é o desafio

No livro “Natureza em Megacidades”, Jörg Spangenberg defende a vegetação integrada à paisagem de concreto

Livro mostra as transformações políticas em São Paulo

Professor de Nova Jersey analisa história pouco explorada do estado de São Paulo

Um arquiteto que sonhou a cidade para os cidadãos

Livro traz textos de arquiteto que põe em xeque o desenvolvimentismo na arquitetura

O dicionário do iluminista que estudou o inferno no século 19

Livro registra o vernáculo ocultista de dois séculos atrás

O naturalista pioneiro que saiu na defesa das florestas

A história de Frei Veloso, missionário, tipógrafo e cientista, é contada em novo livro da Edusp
Mais