Cultura e Opulência do Brasil por suas Drogas e Minas

  • de André João Antonil
  • org. Andrée Mansuy Diniz Silva
Sinopse

Neste livro, André João Antonil apresenta um quadro das principais riquezas do Brasil no limiar do século XVIII. As quatro partes da obra cana-de-açúcar, tabaco, minas de ouro, gado e comércio de couros são acompanhadas de detalhados comentários técnicos. Logo depois de impresso, em 1711, o livro foi recolhido e destruído por ordem régia. À falta de melhores documentos, oriundos de arquivos ainda insuficientemente explorados, esta obra tornou-se uma fonte essencial de informações para os historiadores do século XIX e do século XX que se dedicaram a estudar o Brasil da época colonial. O livro permite conhecer muitos aspectos da vida dos homens livres e escravos da época, além das técnicas de produção do açúcar, do tabaco e das minas. A presente edição, preparada e exaustivamente anotada pela professora Andrée Mansuy Diniz Silva, é sem dúvida a mais completa e erudita já realizada.

Ficha técnica

R$ 96,00
ISBN 10: 8531408571
ISBN 13: 9788531408571
1ª edição, impressão de 2008

464 páginas
18,5 x 26 cm
Capa dura
Coleção Documenta Uspiana

Eventos

05 a
11/04
de 2021

3ª Feira do Livro da Unesp

A Edusp participa da 3ª Feira do Livro da Unesp, de 5 a 11 de abril, oferecendo seus títulos com 50% de desconto

Mais Eventos

Mais

Clarice Lispector é uma bruxa que encanta

... E o leitor nunca mais deixará de ser seu. Quem começa a ler Clarice Lispector vai passar a vida com seus livros nas mãos. "Será fisgado", como define a professora Nádia ...

‘Ensaio Sobre Música Brasileira’ de Mário de Andrade ganha reedição

Após quase um século, obra de Mário de Andrade é reeditada e complementada pela musicóloga Flávia Camargo Toni

Especialistas discutem educação nos países de língua portuguesa

Educação em países lusófonos é tema de seminário

Livro de entrevistas lembra os primeiros anos da USP

Obra traz depoimentos de Paul Bastide, Antonio Candido, Florestan Fernandes e Mário Schenberg, entre outros

Edusp tem novo diretor-presidente

Carlos Roberto Ferreira Brandão, ex-diretor do MAC (2016-2020), é o novo diretor-presidente da Edusp a partir de setembro de 2020.
Mais