Vida Literária

  • de Mário de Andrade
  • org. Sonia Sachs
Sinopse

Edição organizada com base no manuscrito Crítica-Rio, que contém textos da coluna “Vida Literária”, assinada por Mário e publicada no jornal carioca Diário de Notícias, no período de março de 1939 a setembro de 1940, durante seu “exílio no Rio”. De modo geral, os artigos referem-se à crítica de livros novos, predominantemente de autores então estreantes, por exemplo Jorge Amado e José Cândido de Carvalho, ou, ao menos, ainda não consagrados, caso de Murilo Mendes ou Graciliano Ramos. Porém não estão completamente ausentes os escritores consagrados, como na série de três artigos sobre Machado de Assis ou temas mais gerais sobre o mercado editorial da época, entre eles o registro de um aumento significativo na publicação de livros traduzidos. Dessa forma, o conjunto revela os critérios críticos do autor, além de compor um panorama da produção literária do período.

Ficha técnica

R$ 72,00
ISBN 10: 8531402042
ISBN 13: 9788531402043
1ª edição, impressão de 1993

304 páginas
16 x 22,5 cm
Brochura
Coedição: Hucitec

Eventos

25/08
de 2021

Webinar e lançamento do livro “Livros, Leituras e Bibliotecas”

Acontece em 25/8/2021, quarta-feira, o webinar e lançamento virtual de "Livros, Leituras e Bibliotecas: História da Arquitetura e da Construção Luso-Brasileira", de Ricardo Rocha.

Mais Eventos

Mais

Borba Gato e a emergência do passado no presente

Protestar no monumento que exalta o movimento bandeirante colocou a história no centro do debate e permite questionar o quanto de passado ainda há no presente.

Digitais passam a representar 6% do faturamento das editoras brasileiras

Em relação a 2019, o faturamento das editoras com a venda de conteúdos editoriais cresceu 36% em 2020, fechando o ano em R$ 147 milhões

Legado de resistência em Cecília Meireles e o equívoco de Laurence Hallewell

Cecília Meireles teve de ir à delegacia, debaixo de humilhações, para prestar esclarecimentos. Mas não foi “presa” pela tradução de um livro de Mark Twain

Palestra de lançamento de “Uma História da Hungria” está disponível no YouTube

Evento contou com a participação do autor e tradução simultânea

Milton Santos, morto há 20 anos, nos convida a construir uma outra globalização

Geógrafo apontou caminhos para um projeto humanitário que se contraponha ao poder totalitário do dinheiro
Mais