Minoridade Crítica

A Ópera e o Teatro nos Folhetins da Corte, 1826-1861

  • de Luís Antonio Giron
Sinopse

O jornalista e crítico Luís Antônio Giron analisa o processo de formação da crítica cultural no Brasil, propondo uma arqueologia da crítica que deu origem aos cadernos culturais. Analisa suas origens, funções e características e oferece um apêndice com antologia de críticas publicadas entre 1826 e 1861, assinadas por escritores como Martins Pena, Joaquim Manuel de Macedo, José de Alencar e Machado de Assis. Nas primeiras décadas da monarquia brasileira, o folhetim celebrizou-se como veículo importante de obras de ficção. Ao lado delas, também a discussão de ideias e a crítica de artes, especialmente na Corte no Rio de Janeiro, tiveram importante meio de divulgação nos folhetins. É um material de análise e de consulta essencial para jornalistas e estudantes de letras, música, teatro e história, e também para o público em geral, interessado em conhecer a história cultural do país.

Ficha técnica

R$ 72,00
ISBN 10: 8531406587
ISBN 13: 9788531406584
1ª edição, impressão de 2004

415 páginas
15,5 x 23 cm
Brochura
Coedição: Ediouro

Eventos

01 a
10/07
de 2020

[Prorrogada] 1ª Feira Virtual das Editoras Universitárias

A Edusp participa do evento oferecendo títulos com 50% de desconto

Mais Eventos

Mais

Lançamento de “Desenvolvimento e Cooperação na América Latina”

Coordenado por Enrique García, o sétimo volume da coleção Cátedra José Bonifácio é lançado no Portal de Livros Abertos

Livro mostra as transformações políticas em São Paulo

Professor de Nova Jersey analisa história pouco explorada do estado de São Paulo

Um arquiteto que sonhou a cidade para os cidadãos

Livro traz textos de arquiteto que põe em xeque o desenvolvimentismo na arquitetura

O dicionário do iluminista que estudou o inferno no século 19

Livro registra o vernáculo ocultista de dois séculos atrás

O naturalista pioneiro que saiu na defesa das florestas

A história de Frei Veloso, missionário, tipógrafo e cientista, é contada em novo livro da Edusp
Mais