Laços de Sangue

Privilégios e Intolerância à Imigração Portuguesa no Brasil

  • de José Sacchetta Ramos Mendes
Sinopse

A imigração portuguesa para o Brasil foi favorecida nos séculos XIX e XX por um conjunto abrangente de leis e diretrizes políticas que buscaram promovê-la. Entretanto, no mesmo período, imigrantes lusos e suas propriedades foram alvos de ataques individuais ou coletivos, motivados por intolerância e preconceito. Este livro, realizado num terreno interdisciplinar entre o direito e a história, preenche uma importante lacuna na literatura sobre o tema, desvendando o aparato legal que enquadrou os portugueses no Brasil desde a Independência até o período de Getúlio Vargas, não só nas várias Constituições, mas também na legislação subsidiária e em convenções e acordos diplomáticos entre Brasil e Portugal. O livro conta ainda com um anexo que apresenta a cronologia de atos e normas, dados importantes para o historiador a fim de localizar-se na malha jurídica que enredava os imigrantes portugueses no Brasil.

ver sumário

Ficha técnica

R$ 64,00
ISBN 10: 8531412900
ISBN 13: 9788531412905
1ª edição, impressão de 2011

384 páginas
17 x 24 cm
Brochura
Coleção História das Migrações

Eventos

05 a
11/04
de 2021

3ª Feira do Livro da Unesp

A Edusp participa da 3ª Feira do Livro da Unesp, de 5 a 11 de abril, oferecendo seus títulos com 50% de desconto

Mais Eventos

Mais

Clarice Lispector é uma bruxa que encanta

... E o leitor nunca mais deixará de ser seu. Quem começa a ler Clarice Lispector vai passar a vida com seus livros nas mãos. "Será fisgado", como define a professora Nádia ...

‘Ensaio Sobre Música Brasileira’ de Mário de Andrade ganha reedição

Após quase um século, obra de Mário de Andrade é reeditada e complementada pela musicóloga Flávia Camargo Toni

Especialistas discutem educação nos países de língua portuguesa

Educação em países lusófonos é tema de seminário

Livro de entrevistas lembra os primeiros anos da USP

Obra traz depoimentos de Paul Bastide, Antonio Candido, Florestan Fernandes e Mário Schenberg, entre outros

Edusp tem novo diretor-presidente

Carlos Roberto Ferreira Brandão, ex-diretor do MAC (2016-2020), é o novo diretor-presidente da Edusp a partir de setembro de 2020.
Mais