De Baudelaire ao Surrealismo

  • de Marcel Raymond
  • trad. Fulvia M. L. Moretto e Guacira Marcondes Machado
Sinopse

Desde sua primeira edição, em 1933, este livro tornou-se referência para a compreensão da poesia moderna, ao percorrer as diversas correntes da literatura francesa a partir do simbolismo, chegando até o surrealismo, do qual o crítico acompanhou de perto o surgimento, colocando-se como um de seus observadores mais argutos. Numa prosa que mesmo na minúcia analítica nunca perde a vivacidade, Raymond recupera as propostas das escolas e movimentos literários do período, estudando a produção de vários poetas, dos mais obscuros a nomes como Laforgue, Valéry, Apollinaire, Eluard, Max Jacob ou Reverdy, com destaque para Baudelaire, Rimbaud e Mallarmé, considerados como as três fontes principais da moderna tradição francesa que fecha seu ciclo com a Segunda Guerra.

Ficha técnica

R$ 46,00
ISBN 10: 8531403898
ISBN 13: 9788531403897
1ª edição, impressão de 1997

328 páginas
16 x 23 cm
Brochura
Coleção Ensaios de Cultura

Eventos

05 a
11/04
de 2021

3ª Feira do Livro da Unesp

A Edusp participa da 3ª Feira do Livro da Unesp, de 5 a 11 de abril, oferecendo seus títulos com 50% de desconto

Mais Eventos

Mais

Clarice Lispector é uma bruxa que encanta

... E o leitor nunca mais deixará de ser seu. Quem começa a ler Clarice Lispector vai passar a vida com seus livros nas mãos. "Será fisgado", como define a professora Nádia ...

‘Ensaio Sobre Música Brasileira’ de Mário de Andrade ganha reedição

Após quase um século, obra de Mário de Andrade é reeditada e complementada pela musicóloga Flávia Camargo Toni

Especialistas discutem educação nos países de língua portuguesa

Educação em países lusófonos é tema de seminário

Livro de entrevistas lembra os primeiros anos da USP

Obra traz depoimentos de Paul Bastide, Antonio Candido, Florestan Fernandes e Mário Schenberg, entre outros

Edusp tem novo diretor-presidente

Carlos Roberto Ferreira Brandão, ex-diretor do MAC (2016-2020), é o novo diretor-presidente da Edusp a partir de setembro de 2020.
Mais