Caminhando e Cantando

O Imaginário do Movimento Estudantil Brasileiro de 1968

  • de Rafael Rosa Hagemeyer
Sinopse

Caminhando e Cantando lança luz sobre a própria construção simbólica do movimento estudantil em 1968, no momento da irrupção de novos atores e eventos que se tornaram lugares de memória. Rafael Hagemeyer se detém sobre personagens e localidades como Édson Luís, Vladimir Palmeira, Geraldo Vandré, Ibiúna, a rua Maria Antonia com o objetivo de compreender sua transformação em “mitos”. Para Marcos Napolitano, “se a política sempre teve uma dimensão teatral, portanto, cultural, o ano de 1968 e o movimento estudantil que tomou a frente da oposição ao “sistema” levaram este axioma ao máximo. Portanto, o movimento estudantil de 1968 não gerou um imaginário, mas se afirmou como imaginário, a partir do qual a própria memória histórica foi perpassada. A obra, mesmo rendendo homenagem àqueles que se lançaram no abismo, tenta reverter o foco de luz para que este não seja apenas um vão insondável da história, mas a fresta para o olhar escrutinador do historiador”.

ver sumário

Ficha técnica

R$ 45,00
ISBN 10: 8531415551
ISBN 13: 9788531415555
1ª edição, impressão de 2016

160 páginas
23 x 16 cm
Brochura

Eventos

20/03
de 2020

[Cancelado] Lançamento de “Gênero e Feminismos”

O lançamento de "Gênero e Feminismos", que aconteceria sexta-feira, 20/3/2020, está temporariamente cancelado. Assim que possível, uma nova data será anunciada.

Mais Eventos

Mais

Preservar as escassas florestas das cidades é o desafio

No livro “Natureza em Megacidades”, Jörg Spangenberg defende a vegetação integrada à paisagem de concreto

Livro mostra as transformações políticas em São Paulo

Professor de Nova Jersey analisa história pouco explorada do estado de São Paulo

Um arquiteto que sonhou a cidade para os cidadãos

Livro traz textos de arquiteto que põe em xeque o desenvolvimentismo na arquitetura

O dicionário do iluminista que estudou o inferno no século 19

Livro registra o vernáculo ocultista de dois séculos atrás

O naturalista pioneiro que saiu na defesa das florestas

A história de Frei Veloso, missionário, tipógrafo e cientista, é contada em novo livro da Edusp
Mais