Peixes do Brasil/Brazilian Fishes

Aquarelas de Jacques Burkhardt (1865-1866)/Watercolors by Jacques Burkhardt (1865-1866)

  • org. Heraldo Antonio Britski e José Lima de Figueiredo
  • trad. Marcelo Biancalana
Sinopse

Peixes do Brasil apresenta pela primeira vez, em edição bilíngue, o conjunto completo de aquarelas de peixes marinhos e de água doce elaboradas por Jacques Burkhardt. Trata-se da maior coleção de desenhos de peixes brasileiros elaborados por um único artista, da qual apenas uma pequena parcela havia sido publicada até agora. Burkhardt integrou a Expedição Thayer, idealizada e comandada pelo naturalista suíço Louis Agassiz, com quem percorreu o território brasileiro nos anos de 1865 e 1866. O valor das aquarelas, realizadas antes do surgimento da fotografia colorida, não se limita aos aspectos artísticos, estendendo-se ao registro de informações importantes, como datas e localidades, e também às anotações manuscritas. Algumas delas, feitas por Agassiz, evidenciam sua atenção aos detalhes do desenho de Burkhardt e revelam traços do temperamento de uma figura tão destacada quanto controvertida das ciências naturais do século XIX.

ver sumário

Ficha técnica

R$ 160,00
ISBN 13: 9788531415531
1ª edição, impressão de 2019
480 páginas

23,5 x 27 cm
Capa Dura

Eventos

20/03
de 2020

[Cancelado] Lançamento de “Gênero e Feminismos”

O lançamento de "Gênero e Feminismos", que aconteceria sexta-feira, 20/3/2020, está temporariamente cancelado. Assim que possível, uma nova data será anunciada.

Mais Eventos

Mais

Preservar as escassas florestas das cidades é o desafio

No livro “Natureza em Megacidades”, Jörg Spangenberg defende a vegetação integrada à paisagem de concreto

Livro mostra as transformações políticas em São Paulo

Professor de Nova Jersey analisa história pouco explorada do estado de São Paulo

Um arquiteto que sonhou a cidade para os cidadãos

Livro traz textos de arquiteto que põe em xeque o desenvolvimentismo na arquitetura

O dicionário do iluminista que estudou o inferno no século 19

Livro registra o vernáculo ocultista de dois séculos atrás

O naturalista pioneiro que saiu na defesa das florestas

A história de Frei Veloso, missionário, tipógrafo e cientista, é contada em novo livro da Edusp
Mais