Frei Veloso e a Tipografia do Arco do Cego

  • org. Ermelinda Moutinho Pataca e Fernando José Luna
Sinopse

Frei José Mariano da Conceição Veloso (1742-1811) viveu no Brasil durante quarenta anos, atuando como naturalista, viajante e missionário franciscano, antes de ser transferido para Lisboa, onde exerceu diferentes atividades ligadas às ciências e ao mundo editorial. Como diretor da Tipografia do Arco do Cego, coordenou profissionais das artes visuais, gráficas e literárias para a publicação de livros de divulgação científica em língua portuguesa. Neste livro, historiadores portugueses e brasileiros apresentam as controvérsias sobre o lugar ocupado pelo Brasil nas ciências naturais, nas artes e na edição no conjunto do Império português, mostrando os caminhos da circulação do conhecimento em escalas globais. Divide-se em quatro partes, discorrendo sobre o Frei e seu tempo, sua obra, a tipografia e suas técnicas, e sobre mediações e circulação de conhecimento. Ao final, um apêndice documental traz o catálogo das obras produzidas na Tipografia e trazidas para a Biblioteca da Impressão Régia.

ver sumário

Ficha técnica

R$ 60,00
ISBN 13: 9788531416897
1ª edição, impressão de 2019
448 páginas

18 x 25 cm
Brochura

Eventos

08 a
12/08
de 2022

4ª Feira Virtual das Editoras Universitárias

De 08 a 12 de agosto a Edusp participará da 4ª Feira Virtual das Editoras Universitárias promovida pela ABEU.

Mais Eventos

Mais

Coleções da Edusp ampliam debate sobre a segurança pública e os direitos humanos

Parceria do NEV-USP e da Edusp, as coleções Polícia e Sociedade e Direitos Humanos incluem títulos que estão entre os mais reeditados da editora.

Nova obra debate formação da identidade paulista

A construção de uma identidade branca, masculina e afeita ao progresso para São Paulo na primeira metade do século XX se deu por meio da contraposição com regiões menos ...

Clarice Lispector: a delicadeza e contundência de uma literatura de liberação. Entrevista especial com Nádia Gotlib

A professora observa como a autora aborda as temáticas femininas sem necessariamente ser feminista, movendo-se muito mais no sentido de liberação de quaisquer amarras e padrões

A Feira do Livro no Pacaembu

A Praça Charles Miller vai ser ocupada pelos livros, e a @edusp.oficial não ficará de fora: vem aí A Feira do Livro, entre os dias 8 e 12 de junho.

Edusp inaugura livraria com 5 mil obras na USP de São Carlos no próximo dia 27

A Editora da Universidade de São Paulo (Edusp) inaugurará na próxima sexta-feira (27) a nova Livraria Edusp do campus da USP de São Carlos, com quase o dobro do acervo que ...
Mais