Dicionário Infernal

Repertório Universal

  • de J. Collin de Plancy
  • trad. Angela Gasperin Martinazzo
Sinopse

O Dicionário Infernal é uma compilação de lendas, crenças e superstições, a exemplo das grandes obras do enciclopedismo francês. São milhares de monstros, demônios, espíritos e diabretes, duendes, feiticeiras, com os quais o autor construiu pequenas e inventivas histórias, procurando analisar e denunciar a superstição. É uma obra de referência para a literatura universal, fundamental para o estudo do ocultismo, da etnografia e das tradições populares, que povoavam a França à época da Restauração. Esta tradução foi realizada a partir da sexta e última edição, publicada em 1863 pela editora Henri Plon, na qual o autor trabalhava à época. A edição, que contou inclusive com a aprovação do arcebispo de Arras, Boulogne e Saint-Omer, foi reformulada graças à introdução de oitocentos novos verbetes e de 550 figuras, gravadas por M. Jarrault, e entre as quais encontravam-se as famosas 69 gravuras de Louis Breton.

ver sumário

Ficha técnica

R$ 160,00
ISBN 13: 9788531417344
1ª edição, impressão de 2019
944 páginas

18,5 x 26 cm
Capa Dura
Coedição: Editora UnB e Arquivo Nacional

Eventos

19/11
de 2020

Lançamento de “Ensaio sobre Música Brasileira”

Acontece na quinta-feira, 19/11/2020, o lançamento virtual de "Ensaio sobre Música Brasileira", de Mario de Andrade, em nova edição organizada por Flávia Camargo Toni.

Mais Eventos

Mais

Clarice Lispector é uma bruxa que encanta

... E o leitor nunca mais deixará de ser seu. Quem começa a ler Clarice Lispector vai passar a vida com seus livros nas mãos. "Será fisgado", como define a professora Nádia ...

‘Ensaio Sobre Música Brasileira’ de Mário de Andrade ganha reedição

Após quase um século, obra de Mário de Andrade é reeditada e complementada pela musicóloga Flávia Camargo Toni

Especialistas discutem educação nos países de língua portuguesa

Educação em países lusófonos é tema de seminário

Livro de entrevistas lembra os primeiros anos da USP

Obra traz depoimentos de Paul Bastide, Antonio Candido, Florestan Fernandes e Mário Schenberg, entre outros

Edusp tem novo diretor-presidente

Carlos Roberto Ferreira Brandão, ex-diretor do MAC (2016-2020), é o novo diretor-presidente da Edusp a partir de setembro de 2020.
Mais