Casaca do Arlequim, A: Belo Horizonte, uma Capital Eclética do Século XIX
De R$ 100,00
Por R$ 80,00
O arquiteto francês Paul Planat usou a expressão casaca do arlequim ao analisar, em 1890, obras do ecletismo, qualificando-as como pastiche de múltiplas referências e associando seu caráter fragmentário ao traje feito de retalhos. Neste livro, a historiadora Heliana Angotti-Salgueiro insere o estudo aprofundado do estilo eclético na analise da criação de Belo Horizonte, idealizada para substituir Ouro Preto como capital de Minas Gerais e inaugurada em 1897. Apoiando-se em vasta pesquisa, a autora analisa a articulação entre as ideias e as formas, tanto locais como globais, presentes no pensamento racionalista do engenheiro Aarão Reis, autor da planta, nos modelos da École des Beaux-Arts de Paris retomados pelo arquiteto José de Magalhaes em seus projetos, e nas práticas dos mestres de obras italianos que construíram a cidade. Oferece, assim, uma obra de referência para todos que buscam entender a arquitetura e o urbanismo do século XIX.

ISBN 13: 9788531417337

Peso: 1,210 kg

Ano: 2020

Páginas: 608

Formato: 19,5 x 25,5 cm

Coedição: Editora UFMG