Mecenas e Pintores

Arte e Sociedade na Itália Barroca

  • de Francis Haskell
  • trad. Luiz Roberto Mendes Gonçalves
Sinopse

Em que circunstâncias nasce uma obra de arte? Quais são os jogos de interesses, o espírito e o gosto reinante de uma sociedade que interferem no trabalho artístico? Essas perguntas orientam o historiador de arte Francis Haskell em sua análise das obras de artistas italianos como Bernini, Tiepolo ou Pietro de Cortona. Através de diversos documentos o autor estabelece as relações entre mecenas e pintores, no âmbito eclesiástico e privado, durante o barroco italiano. Considerado um clássico da bibliografia sobre história da arte, o livro foi inteiramente revisto pelo autor para esta edição em português.

Ficha técnica

R$ 43,00
ISBN 10: 8531404150
ISBN 13: 9788531404153
1ª edição, impressão de 1997

720 páginas
18 x 25 cm
Brochura

Eventos

07/05
de 2021

Autor em foco: Virgílio Afonso da Silva

O programa de entrevistas do STF recebe o autor de "Direito Constitucional Brasileiro"

Mais Eventos

Mais

Poesia filosófica de Hölderlin faz a crítica da razão moderna

Hölderlin resgata caráter formador da poesia filosófica

Arte de guerrilha

A arte brasileira durante a vigência do AI-5

Como planejar uma cidade com transparência e qualidade de vida?

A dedicação de Cerqueira César para com o urbanismo paulistano se faz presente em coleção de artigos

A biografia das mulheres

Isabelle Anchieta fala sobre suas inspirações para a criação de sua trilogia "Imagens da Mulher no Ocidente Moderno"

Qual é o papel da educação na luta revolucionária?

Autor explora o papel da educação na construção de uma sociedade mais justa
Mais