Desenvolvimento da Cultura do Algodão na Província de São Paulo (1861-1875), O

Código : 1395

De R$ 49,00 Por R$ 39,20 Adicionar ao Carrinho
Reedição de importante estudo de Alice P. Canabrava sobre a cultura do algodão em São Paulo no final do século XIX. A autora analisa os condicionantes históricos e econômicos da expansão da cultura algodoeira no Brasil relacionados à crise das manufaturas inglesas, no início dos anos de 1860: com a crise de abastecimento na Inglaterra, o preço do algodão disparou nos mercados externos. A autora analisa, nos capítulos iniciais do livro, o papel do poder público no incentivo à produção, a atuação dos produtores rurais, as instituições privadas, a questão do crédito aos produtores, compondo um quadro bastante amplo da agricultura no país. A análise da expansão da cultura do algodão é feita comparando-a com a do café, descrevendo também a prática efetiva da economia algodoeira, que estimulou a indústria de equipamentos e insumos. Ao final, analisa os fatores que levaram à decadência da cultura no país, causada por problemas estruturais da nossa agricultura.

ISBN:

9788531413100

Ano de Publicação:

2011

Edição:

2

Formato:

23,00 x 16,00 x 2,00 cm.

Nº Paginas:

336 pp.

Peso:

506 g.