Busca
   Início  |  Edusp  |  Edusp – English  |  Edusp – Español  |  Livrarias  |  Catálogo  |  Eventos  |  Compras 
 
  Menu

  Como publicar
  Convites
  Caderno de leitura
  Prêmios
  Lançamentos
  Livros abertos
  Editais
  Doações
  RH/Concurso
  Mapa do site
  Fale conosco

 
COERÇÃO, CAPITAL E ESTADOS EUROPEUS 1990-1992

de TILLY, Charles

Coleção Clássicos
ISBN 10: 85-314-0352-9
ISBN 13: 978-85-314-0352-1
Formato: 18x25,5 cm
Nº de Páginas: 360 pp.
Peso: 749 g



Indisponível 
Veja Também:
UMA TEORIA ECONÔMICA DA DEMOCRACIA
JOGOS OCULTOS
ENTRE MITO E POLÍTICA

A origem dos Estados modernos é analisada aqui de maneira abrangente por Charles Tilly, orientado pela reflexão sobre a trajetória histórica da instituição do Estado e suas relações com mecanismos de aplicação, acumulação e concentração da coerção. Tilly opta por uma visão prospectiva, numa abordagem que permite a observação de fatos e processos decisivos que uma análise retrospectiva provavelmente perderia de vista. O autor depreende as implicações de sua análise para os Estados contemporâneos, sobretudo para os do chamado Terceiro Mundo, ressaltando as diferenças entre as duas experiências e enfatizando as conseqüências do colonialismo e das várias formas de dominação e influência pós-colonial.

Copyright © 2004-2018 Edusp - Editora da Universidade de São Paulo - Créditos