Busca
   Início  |  Edusp  |  Edusp – English  |  Edusp – Español  |  Livrarias  |  Catálogo  |  Eventos  |  Compras 
 
  Menu

  Como publicar
  Convites
  Caderno de leitura
  Prêmios
  Lançamentos
  Livros abertos
  Editais
  Doações
  RH/Concurso
  Mapa do site
  Fale conosco

 
SOB O SIGNO DO SILÊNCIO

de Lourival de Holanda Barros

Coleção Criação e Crítica
ISBN 10: 85-314-0058-9
ISBN 13: 978-85-314-0058-2
Formato: 12,5x18 cm
Nº de Páginas: 96 pp.
Peso: 110 g



Indisponível 
Veja Também:
A MATÉRIA PRISMADA
LITERATURA E HISTÓRIA NA AMÉRICA LATINA
NAS TRILHAS DA CRÍTICA

Além de estabelecer uma comparação temática entre Vidas Secas, de Graciliano Ramos, e O Estrangeiro, de Albert Camus, este ensaio também mostra a percepção da realidade implícita nas duas obras, a meio caminho entre um mundo tornado ficção e uma linguagem que trata dos absurdos da existência. Segundo o autor, Fabiano, de Vidas Secas, e Mersault, de O Estrangeiro, são personagens simetricamente opostas, já que o primeiro deseja a palavra que lhe permita compreender a realidade e Mersault, por sua vez, anseia suspender a lógica que a linguagem comum impõe aos fatos. Graciliano e Camus partilham assim uma certa estética do silêncio, o estilo conciso e o equilíbrio clássico que fazem da forma a expressão de um mundo opaco.

Copyright © 2004 - 2017 EDUSP - Editora da Universidade de São Paulo - Créditos